terça-feira, 28 de abril de 2015

Isoflavona de soja - Indutor natural


Olá meninas, tudo bem?
Comigo graças a Deus está tudo dentro da medida do possível.

Primeiramente quero parabenizar as lindas mamães Ly do blog Nossos dias de espera e Lyanna do blog Projetada para gerar pelo lindo positivo da semana, e dizer que estou muito, mas muito feliz mesmo, desejo as mais ricas bençãos do Senhor sobre a vida de vcs e que os bebezinhos tragam ainda mais alegrias!

Quero agradecer tbm à todas às meninas que estão me acompanhando, apoiando, deixando recadinhos e me ajudando com suas opiniões. Ultimamente não tenho postado nada porque ando sem novidade, conforme as coisas vão acontecendo eu vou escrevendo. 
 Esse mês já comecei a sentir as cólicas fraquinhas desde o 19ºDC, parece a M me dizendo: nem te empolga porque não é ainda rsrsrs.. Mas eu to suuuper tranquila, to fazendo as sessões da acupuntura certinho, o médico me passou um floral manipulado, e assim segue minha vida no momento. Ahh.. nessa sexta (feriado) já vou fazer a mudança pra cidade nova, então pensa como eu estou, cheia de expectativa e planos, por enquanto só vai o marido e nos veremos apenas fim de semana, eu vou ficar por aqui ainda até agosto, to no último semestre da faculdade então nem precisa explicar o porque do sacrifício da distância rsrs. Esse mês não vou usar o clomid, quero manter só a metformina e vou experimentar a isoflavona de soja que é um indutor natural e segundo as pesquisas fazem os mesmos efeitos dos industrializados e também não custa tentar. Depois de de usar eu dou detalhes de como foi..

Bom, o que quero falar nesse post é sobre os benefícios da Isoflavona de soja. Eu conheci através de um grupo de tentantes e gestantes com SOP que participo no baby center, muitas meninas fizeram tratamento e logo conseguiram os positivos.

Então vamos ao que interessa!

O que é isoflavona de soja?
É um composto da soja, também chamado de fitoestrogênio, que parece atuar na prevenção de alguns tipos de doenças.
A soja age como um indutor natural de ovulação e é umas das melhores opções substitutivas para o uso de citrato de clomifeno, que embora útil, pode trazer consigo alguns efeitos colaterais graves.

Como age na ovulação?
Assim como o citrato de clomifeno, as isoflavonas da soja enganam o organismo para melhorar sua capacidade de ovulação.  No caso da soja, ela induz o organismo a fabricar mais estrogênio, contribuindo para uma ovulação saudável e para uma espessura endometrial adequada.
As isoflavonas de soja agem bloqueando os receptores de estrogênio no cérebro, enganando assim nosso corpo e fazendo com que ele acredite que existem níveis baixos de estrogênio. O corpo então passa a produzir mais estrogênio. Durante esse processo, alguns óvulos já desenvolveram e um já está pronto para amadurecer e ser liberado. Assim que cessamos com a ingestão das isoflavonas o efeito de bloqueio dos receptores desaparece, o nosso corpo entende que já temos estrogênio suficiente e que é o momento de ovular, é então que começa a produção de LH e a ovulação acontece.

Dosagem adequada.
É possível adquirir as isoflavonas de soja em farmácias, casa de produtos ou mesmo pela internet em locais que vendam suplementos vitamínicos. Você também pode encontrá-las no mercado como auxiliar para aliviar os sintomas da menopausa. São normalmente vendidos na concentração de 40mg por cápsula. A dose recomendada é de 80mg por dia, o que dependendo a contração do suplemento adquirido, pode exigir a ingestão de suas cápsulas diárias.

Quando e como utilizar as isoflavonas de soja?
É muito importante seguir corretamente a maneira de utilizar as isoflavonas de soja como indutor natural de ovulação. Isso porque se utilizado no período errado do ciclo, pode prejudicar ao invés de ajudar. As isoflavonas de soja devem ser utilizadas no início do ciclo (três à cinco dias após o primeiro dia da menstruação). As isoflavonas de soja devem ser tomadas todos os dias na mesma hora. Embora o momento do dia não seja importante, recomenda-se que seja ingerida durante as duas principais refeições. Aconselha-se utilizar após a ovulação, algo que estimule ou aumente a progesterona do organismo. O chá da folha de framboesa vermelha ou mesmos os cremes de progesterona são boas alternativas.

Informações importantes.
As isoflavonas de soja não devem ser tomadas por mais de cinco dias consecutivos a cada mês. Se você exceder esse limite, ela apresentará um efeito negativo em sua ovulação, levando a desequilíbrios no ciclo. Além disso, a soja não deve ser usada em combinação com alguns medicamentos, como antibióticos, por exemplo, por isso se tiver que tomar algum medicamento, consulte seu médico sobre a segurança de faze-lo junto a isoflavonas de soja. Pode ser utilizada do 3º ao 7º dia do ciclo. 
Só deve ser utilizado por mulheres que tenham ciclos irregulares, SOP, ou dificuldade para ovular. Para mulheres com SOP, o uso das isoflavonas ainda traz outro benefício, reduz os níveis de insulina e a glicemia, característicos da síndrome dos ovários policísticos.
É desaconselhável o uso por mulheres que tenham o ciclo regular e não apresentam dificuldades para ovular, para mulheres com fibromas, miomas ou pólipos no útero, endometriose, adenomiose, doença renal ou hepática, asma e mulheres que apresentam distúrbios da tireóide.


Por hoje é isso. Espero que seja útil a informação!

Um grande beijo!





sexta-feira, 17 de abril de 2015

Acupuntura X Infertilidade


Boa Tarde meninas, tudo bem?

Eu to bem animadinha, primeiro porque hoje é sexta dia da alegria, segundo porque esse find vou ter uma lua de mel forçada na serra catarinense curtir um friozinho e terceiro porque temos um maravilhoso feriado na próxima semana adorooo!!

Na postagem anterior, informei que tinha começado a fazer acupuntura pra ver se me ajuda controlar a ansiedade. Sinceramente, não sei se é psicológico ou se está fazendo efeito mesmo. Depois que iniciei esse tratamento me sinto muito diferente, tranquila, em paz, totalmente "zen". E outra coisa, apesar de encher nosso corpo de agulhas, não senti absolutamente NADA, foi super tranquilo. E dando uma geral aí pelos sites do "amigoGoogle" encontrei algumas informações bem interessante sobre o assunto. Assim, não é nada comprovado e garantido que realmente faz efeito e a mulher engravida logo. Mas não custa tentar né, se não for ajudar, pelo menos mal também não vai fazer...

Segue aí...

A acupuntura pode ser mais eficiente e saudável para o tratamento da infertilidade do que os conhecidos remédios Clomid e Omifin. É o que afirmam pesquisas internacionais, que identificaram que o método milenar da medicina chinesa curou mais mulheres do que as medicações com clomifeno, droga de fertilidade mais prescrita no mundo.
O alto índice de sucesso acontece principalmente porque a técnica ajuda a aliviar o stress causado pela expectativa da gravidez. "A esperança e a expectativa da gravidez deixam as mulheres nervosas, tensas, estressadas, e isso prejudica diretamente na fecundação, e a acupuntura é aplicada para controlar essa emoção".
Segundo o especialista, o ideal aliar os dois métodos. "As duas medicinas - tradicional e oriental - são muito mais eficiente juntas do que separadas".

Esse é o site para mais informações www.bolsademulher.com/

Beijos e ótimo fim de semana à todas!!!

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Um pouco de mim



Hoje quero contar um pouquinho da minha história, como comecei a saga do positivo.

Em 2008 me casei, nossa relação foi muito rápida, em menos de 2 anos namoramos, noivamos e casamos! Foi um casamento de princesa, como sempre sonhei. No início decidimos esperar algumas coisas acontecerem pra depois decidirmos sermos pais (era nosso sonho). Em 2011 comecei a pensar no assunto, mas em seguida surgiu uma oportunidade de fazer faculdade então adiei esse sonho de novo. No início de 2013 parei o AC, fui a médicos, fiz exames (estavam ótimos) e comecei os treinos. Final desse mesmo ano não tinha acontecido  nada tava apavorada, aí comecei a estranhar, voltei ao médico, repeti exames e tava ali o diagnóstico "síndrome dos ovários policísticos" queria morrer. A partir daí começou os tratamentos, pesquisas, toma isso, toma aquilo, e tomei de tudo kkkkkkkkk

Início de 2014 foi dada a largada "tentante oficial" ufa, Comecei com metformina, no mês de março usei pela primeira vez o indutor e pimba! Tava lá meu positivo!! Me achei a poderosa!! Sorri, chorei, comemorei, contei pra todo mundo, eram muitos parabéns, muitos mimos, vivi um sonho. Um lindo sonho que durou exatamente 3 dias. Tive o aborto! Meu mundo caiu, desabei, sofri, me acabei mas rapidamente me recuperei. Precisava estar pronta para uma nova batalha! A minha lógica era: se no 1º mês que usei indutor engravidei, o próximo será rápido também.. sabe nada inocente kkkkkk                                        

Mas foi aí q eu me surpreendi, meses depois continuei usando indutores, fiz 3 coitos programados com especialistas em reprodução, consegui ovular por uns 10 meses seguidos, regulei a tireoide, fiz tudo o que podia e sabe o que aconteceu? Nada!

Mas "nesse momento" to me sentindo calma, conformada, seguindo todos os conselhos que recebo como "vai viajar, ler livros, foco em outros sonhos, academia, troquei de médico, acupuntura (que por sinal está me ajudando muito), e outros blá blá blá que escuto". Assim estou eu no momento calma, serena e feliz. Não sei porque, mas me sinto assim. Eu cansei de choramingar, reclamar com Deus, me deprimir, acho que não mereço isso, minha família não merece, eu preciso viver e ser feliz!
Claro que NUNCA vou desistir desse sonho, até mesmo porque eu tenho convicção que isso VAI ACONTECER, não importa o tempo, momento ou situação, creio em um Deus maravilhoso que está me construindo pra ser futuramente uma mãe maravilhosa!

Bom é isso, comecei os desabafos, acho que nunca mais vou escrever um texto tão grande kkkkkkk

Beijos!!

terça-feira, 14 de abril de 2015

Pensando por aí...



Bom, como eu já havia escrito na postagem anterior, criei esse blog no intuito de deixar aqui registrado todas as minhas fases até a chegada do meu lindo positivo.

Assim como nos meses anteriores, passei o mês inteiro naquela expectativa, "será q é esse mês, essa fisgadinha aqui e ali será algum sinal, como eu vou contar p/ meu marido, e os blablablá de sempre..." Foram 2 anos e alguns meses sonhando, esperando, chorando e nada, exceto um único mês, Abril do ano passado! Esse mês faz exatamente 1 ano que vivi os 3 dias mais felizes da minha vida. Os dias que fui mãe! Exatamente isso, eu sou mãe!! Meu anjo lindo está com o Senhor!! Por mais que não vi a barriga crescer, não pude conhecer, não pude sentir, mas eu sabia q ele estava ali, vivo dentro de mim, o meu lindo milagre aconteceu!! Levei tanto tempo para entender que não há motivo pra me desesperar, que o milagre é possível, o milagre aconteceu!!

 Hoje me sinto muito mais forte e preparada, porque eu sei que é possível, eu tenho uma promessa ardendo no meu coração, uma linda promessa de maternidade, o Senhor jamais colocaria em meu coração um sonho impossível de ser alcançado, por isso eu creio, eu espero, eu confio..

Hoje estou mais perto do que ontem, mesmo não entendendo alguns caminhos, mas sei que os planos e propósitos de Deus são perfeitos e melhores!!

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Fé e paciência!




Esperar... perseverar e acreditar!! Isso mesmo, acreditar!!

Minha vida ultimamente tem se resumido nessa frase. Uma mistura de sentimentos, uma gangorra que vai e volta e parece que nunca vai se estabilizar, é tudo ao mesmo tempo.
Alegria, tristeza, fé, desânimo, esperança, cansaço, lágrimas, sorrisos, e por aí vai.

Cada mês um novo ciclo, uma nova chance de recomeçar, e é isso que me sustenta, saber que sempre haverá um novo recomeço, e o meu fiel escudeiro, paciente e consolador espírito santo! Ele sim, me renova, me acalma, me mostra o quanto vale a pena sentir e passar por tudo isso, me faz ser forte a cada batalha, me amadurece a cada ciclo, me fortalece em cada lágrima e me renova a cada manhã.


Resolvi criar esse blog mais como um diário, deixar registrado aqui todas minhas experiências nessa fase de tentante, poder algum dia mostrar ao meu filho (a) o quanto ele (a) já é amado (a), desejado (a) e esperado (a) pela mamãe e papai.

Eu sei, eu creio, ainda vou testemunhar toda essa experiência, meu milagre a cada dia se aproxima mais, a vitória é minha, é nossa!

Confio em ti Pai!